segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Natal...

Natal... Tempo de alegria, felicidade, partilha....
Tempo de dar e receber....
Blá, blá, blá, blá.....

Tempo de recordar o que já lá vai....
A infância, a inocente alegria de ver a família reunida, as discussões dos homens nos jogos de batota, o tio disfarçado de Pai Natal, todos sabendo quem ele era... As brincadeiras com os primos, as canções, tão bem ensaiadas minutos antes no quarto do avô, que acompanhavam a chegada do barbudo de vermelho...
A partida de um e de outro, tudo mudou, o Natal já foi Natal, já foi alegria e felicidade.
O recordar de tempos não tão longínquos, o seu resmungar pelo barulho e pelas imensas luzes acesas sem iluminar ninguém, o desperdício que tanto detestava.... a saudade do abraço e do sorriso ao dizermos, "avô é Natal"...
Queria muito que ainda estivesse aqui connosco, faz-nos muita falta, como sempre disse que iria fazer!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

3 ANOS

Claro que a inspiração já não é o que era... Mas apesar da falta de tempo que tenho para cuidar devidamente deste lugar, não podia deixar de registar esta nossa data.
Apesar de por vezes pensar que já vai muito tempo que decidimos mudar as nossas vidas, também acho que passou muito depressa.
As lembranças ainda estão muito frescas na minha cabeça.
Aqueles momentos mais importantes, e até alguns mais banais, por vezes iluminam-se no meu pensamento, arrancando, hoje, um sorriso ainda maior do que no dia, há 3 anos atrás.

Amo-te cada dia mais (não imaginando como é possível amar ainda mais)