quinta-feira, 2 de abril de 2009

Deixa-me...



Deixa-me ficar quieta no meu canto!


Deixa-me sossegada com as minhas dores!


Deixa-me sozinha com as minhas preocupações!


Deixa-me em paz puta de vida!




5 comentários:

**laura** disse...

Tal como a felicidade, também a tristeza, a zanga e a frustração se fazem de momentos. Há dias assim, em que tudo parece contra nós, até mesmo a vida. E depois há dias bons, momentos completos. Fica-nos a certeza de que, tal como não há bem que sempre dure, também não há mal que nunca acabe. Ou, de outra maneira, depois da tempestade, vem a bonança :D
Força :D Que o fim-de-semana traga sorrisos :D

Beijinhos **

gisela disse...

fantastico. mto forte... tb me sinto assim muitas vezes. bjo

Carla disse...

a vida não nos larga...até que a morte a conquista
força
beijos e boa semana

Sónia disse...

Ui ui, mas que é isso?
Desejo-te melhores dias. Espero por um post mais optimista.

Rikardo disse...

bem, as tuas palavras são no minimo fortes..
as desilusões fazem parte da vida, com elas aprendemos sempre alguma coisa, e sem elas a vida não fazia grande sentido..

como dizia Chaplin.."a vida é uma peça d teatro q nao permite ensaios, por isso, canta, ri, dança, chora e vive intensamente cada momento da tua vida...antes q as cortinas se fechem e a peça termine sem aplausos!"

Força :)