quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Nada...

"Que se passa?" Pergunto eu preocupada, sabendo que não é a voz normal!

Respondes um "Nada" frio, gelado mesmo para o meu coração!

Detesto sentir-nos triste... Um com o outro... Com a vida...

Detesto ter de esconder a palavra saudade quando isso não a acalma em mim...

Detesto o silêncio sombrio que se foi instalando no meio de nós...

4 comentários:

Marquês de Sade disse...

Acho que é preferível "explodir" a ficar no silêncio...

Carla disse...

entendo essa saudade silenciosa
beijos

ลndreia disse...

Eu também detesto! Odeio! *

Andreia disse...

A saudade silenciosa, é dolorosa... mas acaba por passar com o tempo!