sábado, 29 de março de 2008

Ao embalo da tua voz

A noite cai... A espera prolonga-se...
Os minutos mostram-se horas...

O sono está lá, mas os olhos não se querem fechar...
Não quero envolver-me na noite...



Não gosto de adormecer sem ser ao embalo da tua voz!

3 comentários:

Márcio disse...

A tua voz cristalina é confundida com a suavidade do som das águas mais profundas do oceano.
Sabe bem ouvir a tua voz, dá-me segurança e força para viver os dias que passo longe de ti.

Foste o melhor que me aconteceu na vida… apesar de saberes, é algo que nunca me vou cansar de o dizer e demonstrar cada dia! É contigo que são os meus sonhos, os meus desejos de futuro…

O resto já sabes e já nem preciso de te dizer, pelo menos por aqui…

Sónia Costa disse...

Olá linda. Só passei aqui para te dizer que estou a mudar-me para outro blog. É paginas-com-sentimentos.blogspot.com.
É algo mais pessoal.
Passa por lá ok?
Beijinhos

White_Fox disse...

É só love! Eheh