sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

O Fim...

Os nervos eram muitos..
As palavras teimavam em se enrolarem na garganta sem quererem sair...
O coração que batia tão forte que parecia rebentar...
Parecia que iria ser a primeira vez que o ia fazer...
As mãos que escorriam água, tal era o estado de nervos...

Todos diziam: tem calma, o pior já passou...

E quanto mais me pediam para ter calma mais nervosa eu ficava!
Lá fiz a minha defesa, que me pareceu correr pior que mal...
Respondi às perguntas/dúvidas do júri!
Tantos elogios e tantos Parabéns!!!
Mas porquê, pensava eu... isto correu super mal! Tou tramada!

Mandaram-me sair para deliberarem a nota... eu já não conseguia parar de tremer... 2 minutos que me pareceram uma eternidade!
Finalmente a porta abre-se, sai a minha orientadora e dizem-me... com ar muito sério: Temos uma nota para lhe comunicar!
Tirou 18!

Ãh? Como é que é?
Se eu estava à espera? Não claro que não estava... pensei que ia tirar um 14, com muita benevolencia do júri...
Mas felizmente eles avaliaram mais o trabalho que a apresentação oral :D


Aqui está a descrição da última prenda do Pai Natal... :D

Acabei o curso!!!
Finalmente...
Hoje foi o FIM...

sábado, 15 de dezembro de 2007

:D

Foi-me quase exigida uma actualização das Divagações pela Srª LC...

Por isso, lá vou falar das minhas mais recentes novidades...

Só tenho a dizer que este ano o Pai Natal foi muito generoso comigo :D
Trouxe-me prendas maravilhosas e o melhor é que ainda vieram adiantadas...

Deu-me o meu nino, que é maravilhoso e que me faz a mulher mais feliz à face da Terra...
Só me deu um entrave que é a sua ausencia forçada durante a semana inteira... o que torna depois o encontro em momentos mais intensos e felizes :D
Os melhores momentos da semana!

E depois deu-me também um trabalho, que me deixa morta ao fim do dia, mas que por incrivel que pareça estou adorar :D
É tão bom sentir-me útil, sentir-me necessária...


Márcio... adoro-te e finalmente amanhã já é Domingo.... Vou poder sentir o sabor dos teus lábios :D
Vou poder matar todas estas saudades que me apertam no peito!
Já te disse que te adoro muito?

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

Palpitações aceleradas

Queria conseguir deitar-me tranquilamente e não pensar em ti..
Queria guardar-te para os mais belos sonhos que teria ao dormir!

Mas fico a recordar cada palavra que me disseste...
Cada palpitação que eu senti...
Sempre que penso na distância e no tempo que falta... O meu coração não aguenta e não me deixa dormir...
Dou voltas e voltas na cama... nada consegue acalmar-me...
Às vezes dou por mim envolta nos meus braços a tentar sentir o teu abraço...

Isto de te ter longe não é nada facil de sobreviver! (Adoptei mais uma... depois pago-te :p)

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

.....

Ultimamente tenho-me sentido bem... até feliz posso mesmo dizer!


Mas por tal, não tenho conseguido escrever... não me sai nada, não me sinto inspirada...

Como me disse o Márcio um destes dias deve ser porque não me encontro em estado de desilusão...

Não digo que sempre que escrevi me sentisse desiludida, mas ou estava triste, ou com saudade, ou simplesmente porque me sentia sozinha!
Claro que gosto mais de me sentir assim... mas gostava de não escrever só quando estou em fases menos boas... gostava de o fazer principalmente nas fases boas... Mas, por agora não vai dando... veremos o que me dirá o futuro, o que me ditará a vida!



P.S: Quero pedir desculpa mas tenho tido dificuldades em visitar os blogs e, principalmente, em comentá-los...


(Imagem encontrada na net)