segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Sozinha


Sinto-me sozinha!



Estou rodeada de pessoas mas isso não impede que me sinta só!



Sinto que ninguém percebe como estou, ninguém entende como me sinto!



Sinto-me desamparada, sem qualquer tipo de apoio...



Por vezes sinto que o chão desaba e caio num vazio imenso, um vazio do qual não me consigo livrar.


Um vazio profundo no qual me pareço afundar!


Às vezes queria desistir,deixar que este vazio me tome. Deixar que este vazio me preencha...


Tou cansada... tou farta!


Sinto-me rodeada, não de gente, mas de incompreensão, injustiça e ingratidão!

6 comentários:

L. C. disse...

E que digo eu quando a minha melhor amiga se sente no fundo? Não estás sozinha, Tita, de maneira alguma. Queria poder ter a solução para todas essas coisas que te atormentam, queria poder indicar-te o caminho, garantir-te a segurança...´
Não sei que dizer ou fazer. Mas sei que estou sempre aqui para ti. Sempre.

Beijinho

**

blueminerva disse...

Vá lá... força! Todos nós temos momentos assim, tudo e todos nos falham e parece não haver saída, mas é preciso acreditar que amanhã será melhor.
Um abraço

P.B. disse...

A tua melhor amiga sabe que não está sozinha, ela sabe que te tem a ti e muitos outros.
Mas por vezes é inevitável sentirmo-nos sós!
Sei que este post é injusto em relação a isso... Mas as contradições fazem parte desta minha vida :)
Beijinhos e obrigada, hoje e sempre

P.B. disse...

Blueminerva
Como disse no comentário anterior, eu sei que não estou sozinha e que momentos como este são inevitáveis...
Mas adoro a vida, adoro viver e sei que dias melhores virão... eu cá estarei para os receber!
Beijos

Sónia Costa disse...

Estou tão preocupada...E sinto que não posso fazer nada...
Como diz a tua grande amiga, tu não estás só. Os teus amigos devem estar muito preocupados contigo...Pensa que eles te podem ajudar a levantar.

P.B. disse...

Sónia
tal como eu disse posteriormente, eu sei que não estou realmente sozinha. Eu sei que tenho bons amigos que tudo farão para me apoiar... Mas temos dias que não dá, que são para esquecer!
Eu tenho tido alguns, mas passam, eu melhoro e a vida volta a sorrir.
Beijinhos e obrigada